Interceptor DF: Inspeção de metal de alimentos ‘World First’ from Fortress

 em Fortress

Fortress Technology (Canadá) – “A Fortress Technology lançou mais uma inovação mundial em inspeção de alimentos – um detector de metais que inspeciona produtos de baixo perfil e alto valor vertical e horizontalmente simultaneamente para alcançar a mais alta sensibilidade do planeta”, afirmou a empresa.

O Interceptor DF (Campo Divergente) é um resultado da longa experiência da empresa em detecção de metais e seu desenvolvimento mais recente da linha de interceptores de duas frequências de dois canais. “A capacidade de escolher a direção do campo de inspeção é inovadora”, diz o diretor da Fortress European, Phil Brown. “Em termos de desempenho, nada mais no mercado se aproxima do Interceptor DF ao procurar por contaminantes metálicos finos e não esféricos em produtos”, afirma Phil.

Acreditado ser o primeiro detector de metais de múltiplas varreduras e multi-orientação, o Interceptor DF é especialmente sensível a flocos e folhas muito finas que são difíceis de detectar em alimentos de baixo perfil, incluindo chocolate, confeitos, barras nutricionais, biscoitos e biscoitos. O Interceptor DF também pode ser usado para inspecionar pequenas embalagens finas de produtos condutores, como queijo e charcutaria, com alto valor e alta imagem no mercado, por exemplo, hambúrgueres de bife, presunto de Parma e queijo parmesão.

Em vez de digitalizar um número selecionado de freqüências, o detector de metal do tipo transportador inspeciona produtos crus, cozidos e embalados usando várias direções de campo.

Para aumentar a segurança alimentar, o sistema Interceptor DF aborda várias limitações anteriores – principalmente orientação, tamanho, geometria e posição dos metais. É especialmente confiável na detecção de flocos e lâminas muito finas que podem ser introduzidos em alimentos premium nos processos de mistura, laminação, cozimento, marcação, moldagem, fatiamento ou cozimento.

Inovação em ação:

Diferente de outros detectores de metal multi-scan no mercado, o exclusivo sistema Fortress usa vários conjuntos de bobinas para impulsionar instantaneamente os campos eletromagnéticos em diferentes direções. Em vez de perder um contaminante de metal porque ele não está alinhado com um campo específico, o Interceptor DF procura sinais em um amplo espectro, de vários ângulos.

A perturbação mais forte de um campo compensa o sinal mais fraco de outro. Isso aumenta a probabilidade de identificar e rejeitar produtos contendo metais não esféricos em mais de 100%, incluindo a dificuldade de detectar flocos de metal planos.

“Ao assumir o controle de algo que é inerentemente difícil de controlar – orientação a contaminantes – a Fortress está mais uma vez se mostrando líder no mercado de inspeção de segurança alimentar”, afirma Phil.

Para aumentar a transparência da cadeia de suprimentos e a rastreabilidade do produto, o software Contact Reporter, incluído como padrão, produz um registro completo dos eventos. Esses registros eletrônicos podem ser visualizados, filtrados e exportados e podem ser usados ​​para complementar ou substituir a documentação manual.

Para configuração rápida e facilidade de uso, o Interceptor DF aprende e recupera a assinatura de qualquer produto com apenas uma passagem. O teste automático do Halo pode ser adicionado para reduzir o risco de erro humano ao testar manualmente o desempenho do sistema de detecção.

Várias fábricas norte-americanas de alimentos estão atualmente testando o novo sistema, que já está gerando um grande número de feedbacks positivos.

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

WhatsApp
Cotação Online
Informe seu nome e fone para ser redirecionado ao nosso atendimento via Whatsapp agora mesmo.
Obrigado! Abrindo Whatsapp...
Cotação Online
Informe seu nome e fone para ser redirecionado ao nosso atendimento via Whatsapp agora mesmo.




Ligamos para você
Deixe seus dados e nossa equipe entrará em contato o mais breve possível.



Celular